top of page

ECO*TRAINER

O que é?

Trata-se de um inovador projeto de eco-usinas móveis, reaproveitando resíduos plásticos, orgânicos e minerais, descartados pelas populações urbanas e rurais em todas as cidades e comunidades, sendo tais resíduos muitas vezes jogados a céu aberto, poluindo rios e mares.

01.jpg

Como funciona?

Nossas unidades ECO*TRAINERS recebem e processam eco-criativamente esses múltiplos resíduos de forma sustentável – triturando-os e moldando-os para novas conformações úteis (caibros, pisos, painéis) aglutinando-os sempre com o  poliuretano vegetal da mamona + catalisador. Com isso, os ECO*TRAINERS tornam-se verdadeiros sistemas modulares expansíveis, permitindo a ampliação de escala, conforme as mais criativas demandas, gerando sólidas bases para uma BIOECONOMIA CIRCULAR LOCAL GLOBAL.

Imagem do WhatsApp de 2023-11-14 à(s) 09.49.51_c6aaf824.jpg

Captação e Seleção

 

Os resíduos são entregues limpos para serem selecionados, triturados e moídos, formando uma massa a ser moldada com precisão em fôrmas, misturando-se com o poliol e catalisador. Assim inicia-se o processo de despoluição de áreas infectadas e os atuais contaminantes aterros globais!

 

Aqui e agora... Os ORGÂNICOS deverão cada vez mais entrar, privilegiando as múltiplas capacidades dos BAMBUS / FIBRAS ORGÂNICAS, matéria-prima muitas vezes marginalizada, podendo se unir aos descartes em certas conformações para incorporar resistência em materiais estruturais como vigas e pilares!

 

Fibras de bambus tratados (manejo indispensável aos cultivares) podem tornar mais robustas essas peças para resistir aos ventos da degradação, desafiando os dogmas da construção tradicional!

Transformação e Utilização

 

Já nas fôrmas, os descartes são prensados e transformados em novíssimos caibros, painéis, pisos. Materiais mais duráveis, que não absorvem umidade, possibilitando gerar alimentos para as moradias (casas-verdura), uma vez que esses materiais são encapsulados com o poliol orgânico da mamona, permitindo inocular sementes em suas superfícies!

 

Um dinâmico processo gerador de novos Renascimentos Eco-técnicos-artísticos – criação permanente de elementos construtivos a partir do lixo descartado.

 

Elementos estes, que podem ser destinados à construção civil (casas, creches, escolas, por exemplo), assim como embarcações, calçamentos e vias transitáveis.

Diferenciais

Com esse processo, organificam-se as casas, os bairros e o Ambiente, promovendo, Limpeza, Saúde e Alimentação aos novos EcoBairros, subvertendo a noção de resíduos como um fardo, transformando-os em Saúde, Criatividade, Lucro e Sustentabilidade. Além disso, esse sistema cria novos princípios de Bio Economia Circular onde a “decadência” é transmutada
em durabilidade e “descartes” em Eco Construções!

 

Novos ECO-CICLOS produtivos criando os Bairros Verdes Sustentáveis AAA: ARTES (Individual) + ARQUITETURAS (Grupos), ambos gerando AMBIENTES SUSTENTÁVEIS (Coletividades). Aqui se desenrola a moderna alquimia – a habitação de interesse social torna-se um manifesto tangível da nossa capacidade coletiva de enfrentar os graves desafios que nos confrontam, construindo um futuro onde a harmonia entre Humanidade e Natureza prevalecerá para Todos!

Imagem do WhatsApp de 2023-11-14 à(s) 09

Nossos objetivos

Nossas premissas “Máximo Reaproveitamento de Resíduos gerando Máximo de Empregos” na atual PNRS/RR - 12.305/10, tem o escopo de transformar o status quo em desenvolvimento no país. Sequencialmente, ampliamos essas exigências, criando importante evolução “eco-técnica-científica” na ALESP 1269/07 – “Lixo Zero, Arquitetura Sustentável, Energia Renovável”, que foi promovida internacionalmente nos Anais da RIO+20/ 2012 como “BioEconomia Pragmática Mundial”.


Nossa premiação mundial no Concurso “Sustainable Urban Housing”, fortaleceu também a criação de uma nova Lei na Secretaria do Meio Ambiente -SP “Cidades Azuis e Verdes”. Este é um projeto altamente multiplicador, sendo montado dentro de um Container (o mais moderno Correio globalizado) padrão 12x3x3m – permitindo funcionar de 12 a 24 horas, recebendo diversos tipos de resíduos (plásticos, orgânicos, minerais), reaproveitando-os como novos elementos eco-construtivos.

blocos-pisos.jpg
reciclagem de lixo

Pra quem é o ECO*TRAINER?

Abertos a indivíduos e grupos interessados de ambientalistas que, através de cartão eletrônico, depositam seus materiais já limpos em boxes apropriados, recebendo um cashback no retorno. Politicamente, esse processo vai favorecer toda a logística dos municípios e a qualidade ambiental dos bairros – eliminando transportes longínquos para aterros não sanitários, poluição terrível para as populações e, ao mesmo tempo, dando lucro na criação de novos materiais limpos para barcos e para novas Arquiteturas.

 

Além da porção Hardware, nossos evolutivos conjuntos técnicos Eco*Trainers deverão crescer em cada localidade, disponibilizando Criatividade e Educação IA (Inteligência Artificial), fortalecendo sempre atuações individuais e coletivas – Movimento Orgânico Natureza e Arte!

Nossas ações

Atualmente estamos montando uma primeira unidade ECO*TRAINER numa StartUp mais abrangente, possibilitando reutilizar resíduos marítimos e urbanos no Guarujá, SP. A primeira produção será confeccionar caibros 5x5cm e painéis 80x80cm, que são muito usados na construção civil, bem como em barcos de navegação, o que já despertou o interesse de compra desses produtos em todos os pescadores do Perequê!


Empresários, Prefeituras, ambientalistas, comunidades têm sido muito solidários com esse projeto criativo-educador, qual uma Escola Profissionalizante!

Vwneza2.png

Deseja saber mais sobre o projeto? Fale conosco!

Encaminhe para nós uma mensagem através do formulário ou entre em contato diretamente conosco pelo Whatsapp.

Imagem do WhatsApp de 2023-11-14 à(s) 09.49.50_d93b407c.jpg

Desenvolvedores:

Arquitetos Sérgio Prado e Márcia Macul

Capacitador:

Ricardo Dinalli

Contato
bottom of page